Apoio ao I Encontro sobre Uso Público em Áreas Protegidas

Localização: São Paulo – SP, Brasil.

Parceiro: Comissão organizadora do encontro: Laboratório de Planejamento Ambiental e Gerenciamento Costeiro (LAPLAN) da UNESP – Campus Litoral Paulista, Escola de Artes Ciências e Humanidades da USP, Instituto de Políticas Públicas e Relações Internacionais – IPPRI/UNESP e Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial na América Latina e Caribe.

Data: de 16 a 17 de novembro de 2017


A principal estratégia de conservação da natureza é a criação de áreas protegidas. Através deste mecanismo, tanto a natureza quanto os aspectos culturais a ela associados são elementos fundamentais de serem considerados para a definição do uso e ocupação dessas áreas. Além das ações de proteção, pesquisa e uso sustentável, o Uso Público (UP) é também uma atividade relacional que tem a capacidade de sensibilizar diferentes públicos em prol da manutenção e respeito às Unidades de Conservação (UC). Partindo dessa premissa, e do objetivo de colocar em debate o programa de Uso Público de Unidades de Conservação como instrumento para a transformação crítica e criativa dos visitantes, assim como elemento fundamental de política pública de conservação da natureza, pesquisadores do Laboratório do LAPLAN da UNESP Campus Litoral Paulista e EACH- USP organizaram o I Encontro sobre Uso Público em Áreas Protegidas. O Instituto Linha D’Água atuou enquanto parceiro desta iniciativa, tanto pela contribuição dada a partir da realização do Diagnóstico dos Arranjos Locais para UP em UC’s costeiras e marinhas, quanto a partir do apoio para realização do evento. Os desdobramentos deste encontro foram a ampliação deste debate, para além da sustentabilidade financeira das UCs, adentrando às questões da função social e dos aspectos relacionais proporcionados pelos programas de UP em geral.